Era uma vez Brasil

RELATO DO 5º DIA

q56

Neste dia tivemos um café igual todos os outros dias e logo em seguida partimos em direção aos destinos da viagem.

MOSTEIRO DOS JERÓNIMOS

Logo no começo da visita nos deparamos com um belo claustro, que abriga a fonte de um leão que faz-se até hoje pedidos secretos ao pôr a mão em sua pata esquerda.

Monges que seguem a ordem de São Jerónimo, normalmente representado com o leão, viveram desde quando se tornaram monges até o início da escola Maria Pia.

Foi observado, também, o túmulo de Fernando Pessoa, um grande e famoso poeta português; além de Alexandre Herculano, político, historiador, jornalista, escritor e poeta do romantismo.

Logo após, conhecemos a capela de Santa Maria de Belém e fomos para o coro alto, lugar onde os monges cantavam no coral da Igreja.

MUSEU DA MARINHA

A primeira vista, tínhamos uma grandiosa carta marítima, que ajudou a entender melhor os esquemas de famosas navegações do passado.

As primeiras caravelas foram produzidas para se mover apenas com o vento a seu favor, do contrário paravam e lhes restavam esperar o clima ajudá-las. Com o tempo, o desenvolvimento das navegações aumentou consideravelmente, e se construíram naus que podem avançar a qualquer direção, pois aproveitam o vento vindo de qualquer lado. Assim como os navios de guerra, não eram práticos, já que para atirar só possuíam duas posições laterais.

Nesse museu possuem réplicas exatas em tamanho reduzido de vários navios de diferentes épocas, roupas dos tripulantes, restos de naufrágios e instrumentos de navegação, algo que nos deixou muito instigados para saber mais e mais.

Também havia um galpão com embarcações em tamanho real.

MUSEU DE ARQUEOLOGIA

Ao entrarmos na ala egípcia, o guia turístico começou a nos ensinar o mito acerca do olho de Hórus, assim como outras lendas sobre a cultura egípcia. Depois da primeira explicação o guia nos mostrou vários objetos arqueológicos, inclusive três múmias masculinas sendo uma delas de um sacerdote. Todos adoramos ver múmias tão de perto!

Depois do primeiro ambiente visitado nessa exposição, fomos para uma sala que tinha artefatos greco-romanos e o guia nos explicou sobre todo o período do império romano. O que mais nos fascinou foram os detalhes de sua mitologia que acaba por se assemelhar ao cristianismo em muitos aspectos.

Para encerrar as visitas com chave de ouro, fomos apreciar e nos deliciar com o famoso pastel de Belém!

 

INTEGRANTES DO GRUPO:

Gabriel Rufino (Belo Jardim)

Hudson (Belo Jardim)

Luís Fabiano (Salvador)

Luize (Salvador)

Wagner (Lençóis Paulista)

Bruno (Macatuba)

Compartilhar este post por e-mail

Entre em Contato

Origem Produções

Ribeirão Preto / SP
+ 55 16 3623 8012

Salvador / BA
+ 55 71 3018 4373

Rio de Janeiro / RJ
+ 55 21 3986 8311

Contato

Todos os campos são obrigatórios

Marque o campo acima antes de enviar.
ATENÇÃO: Preencha todos os campos destacados Enviando