Era uma vez Brasil

Projeto

Vivenciar um intercâmbio cultural de dez dias em Lisboa – Portugal, percorrendo os caminhos da corte portuguesa antes da chegada ao Brasil. Esta será a oportunidade dada a estudantes dos mais de dez mil alunos participantes do ‘Era uma Vez… Brasil’, projeto de arte-educação voltado para adolescentes do oitavo ano da rede pública municipal de ensino que será realizado nas cidades de Salvador (BA), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Novo Horizonte (SP) e Belo Jardim (PE).

Criado pela Origem Produções, o ‘Era uma Vez… Brasil’ é um programa de atividades que tem o objetivo de colaborar com o desenvolvimento da cultura nacional, promovendo o enriquecimento dos alunos envolvidos por meio do contato com diferentes linguagens artístico-culturais. Nesta edição, traz como tema a transferência da família real e da corte portuguesa para o Brasil, tendo como base o livro 1808, do escritor Laurentino Gomes.

O projeto é dividido em três etapas, a saber:

Etapa FATOS HISTÓRICOS

1) Qualificação dos professores/Provocação dos Alunos:

Qualificação dos professores de história do oitavo ano fundamental da rede pública de ensino. Nessa etapa faremos 04 encontros com os professores, trazendo novas abordagens possíveis para o estudo da história e da literatura. A partir desses encontros, serão propostas diferentes atividades de leitura, pesquisa e produção ao corpo de alunos. Os 100 alunos melhor avaliados participarão da segunda etapa do projeto e terão os seus trabalhos publicados em livro coletivo.

Etapa CAMPUS

2) Campus de arte-educação:

No período de férias os 100 alunos do oitavo ano da rede municipal de ensino farão uma imersão às diferentes linguagens artísticas, participando de oficinas de HQ, teatro, música, capoeira e audiovisual.

Etapa INTERCAMBIO

3) Intercâmbio Cultural

Os alunos melhor avaliados durante o projeto participarão de um intercâmbio de 10 dias em Portugal, onde conhecerão os caminhos percorridos pela corte portuguesa até a vinda ao Brasil, em 1808.

Cidades e Escolas participantes:

SÃO PAULO/SP

Em breve

NOVO HORIZONTE/SP

  1. EMEF. Hebe de Almeida Leite Cardoso
  2.  EMEF. Francisco Alvares Florence
  3.  EMEF. Manoel Roque
  4.  Mario Florence
  5.  PTQ

BELO JARDIM/PE

  1. CCM Castelinho 
  2. EM Luiz Pereira de Amorim 
  3. EM Manoel Teodoro de Arruda 
  4. CEM Prof. J. Vieira
  5. Luiza Leopoldina 
  6. EM Prof. Antenor Viera de Melo 
  7. EM Dr. Sebastião Cabral 
  8. Escola do Campo 
  9. Vereador Joaquim Medeiros 

SALVADOR/BA

  1.  ALEXANDRE LEAL COSTA
  2. OLGA FIGUEIREDO DE AZEVEDO
  3. VISCONDE DE CAIRU DE BROTAS
  4. ALFREDO AMORIM
  5. PIRAJA DA SILVA
  6. BRIGADEIRO EDUARDO GOMES
  7. LUIZA MAHIM
  8. JORGE AMADO
  9. PLATAFORMA
  10. MANOEL HENRIQUE DA SILVABARRADAS
  11. ELYSIO ATHAYDE
  12. 2 DE JULHO
  13. ALMIRANTE ERNESTO DE MOURÃO SÁ
  14. HILBERTO SILVA
  15.  SEBASTIAO DIAS
  16.  AMELIA RODRIGUES
  17.  SANTA RITA
  18.  HILDETE LOMANTO
  19.  JOIR BRASILEIRO
  20.  PROFESSORA SUZANA IMBASSAHY
  21.  HELENA MAGALHAES
  22. PROFESSOR ANTONIO CARVALHO GUEDES
  23. CAMPINAS DE PIRAJA
  24. PADRE NORBERTO
  25. 15 DE OUTUBRO
  26. CIDADE DE JEQUIE
  27. TEODORO SAMPAIO
  28. IMEJA
  29. BARBOSA ROMEO
  30. ALLAN KARDEC
  31. HILDETE BAHIA DE SOUZA
  32. NOVA SUSSUARANA
  33. MARIA CONSTANCA
  34. MARIA DOLORES 
  35. GOVERNADOR ROBERTO SANTOS
  36. ADROALDO RIBEIRO COSTA
  37. CLERISTON ANDRADE
  38. ARLETE MAGALHAES
  39. PROFESSORA ALEXANDRINA SANTOS PITA
  40. FAZENDA COUTOS
  41. PROFESSORA OLGA METTIG
  42. PALESTINA
  43. PERIPERI
  44. COLÉGIO MILITAR DE SALVADOR

MATA DE SÃO JOÃO/BA

  1. Escola Municipal Amélio Batista Filho
  2. Escola Municipal Antônio Francisco Alves
  3. Escola Municipal Antonio Paiva Tolentino
  4. Escola Municipal Arnaldo Souza Prado 
  5. Escola Municipal Catarino Ribeiro da Silva
  6. Escola Municipal Elias José dos Santos
  7. Escola Municipal Emanoel Fontes
  8. Escola Municipal Isaac Marambaia
  9. Escola Municipal João Pereira Vasconcelos
  10. Escola Municipal José Seixas de Almeida
  11. Escola Municipal Maria de Lourdes Seixas
  12. Colégio Municipal Monsenhor Barbosa 
  13. Escola Municipal Pedro Joaquim de Souza
  14. Escola Municipal Professor Aureo de Oliveira Filho
  15. Escola Municipal Professora Valdete Seixas Oliveira
  16. Escola Municipal São Francisco
  17. Escola Municipal São Vicente
  18. Escola Municipal Wilhelm Hermann Klaus Peters

RIO DE JANEIRO/RJ

  1. GEO Juan Antonio Samaranch
  2. GC Nilo Peçanha
  3. GC Celestino da Silva
  4. GEO Felix Mieli Venerando
  5. GC Rivadávia Corrêa
  6. GC Epitácio Pessoa
  7. GC República do Peru
  8. GC Bolívar
  9. GC Ceará
  10. GC Rio de Janeiro
  11. GC Chile
  12. GC Prof. Souza Carneiro
  13. GC Olimpíada Rio 2016
  14. GC Mário Paulo de Brito
  15. EM Almirante Newton Braga de Faria
  16. EM Mendes Viana
  17. GC Fernando Rodrigues da Silveira
  18. GC Coelho Neto
  19. GC Rodrigues Alves
  20. EM Nelson Rodrigues
  21. Carlos D. de Andrade
  22. GC Mario Casassanta
  23. EM Eng. João Thomé
  24. EM Humberto de Alencar C. Branco
  25. GC Von Martius
  26. EM Pres. Antonio Carlos
  27. GC Princesa Isabel
  28. GC Aldebarã
  29. GEO Doutor Sócrates
  30. GEO Nelson Prudêncio
  31. GC Anísio Teixeira 
  32. EM Belmiro Medeiros

SÃO PAULO/SP

  1. EE Nadir Lessa 
  2. EE Jardim Moraes Prado II
  3. EE Jardim Santa Maria III
  4. EE Antônio Raposo Tavares
  5. EE Prof. Oguiomar Ruggeri
  6. EE Educador Paulo Freire
  7. EMEFM Vereador Antônio Sampaio
  8. EMEFM Rubens Paiva 
  9. EMEFM Linneu Prestes
  10. EMFM Guiomar Cabral 

Realização: Origem Produções

Coordenação Pedagógica: Prof. Adriana de Godoy

Palestrante: Laurentino Gomes

Assessoria Imprensa Salvador: Via Press Comunicação

Assessoria Imprensa Recife: Baobá Comunicação

Assessoria Imprensa São Paulo: MD Comunicação

Coordenação Salvador: Paula Lemos

Coordenação Belo Jardim: Flavio Passos

Coordenação Rio de Janeiro: Andressa Sirino

Coordenação São Paulo: Andressa Sirino

Coordenação Novo Horizonte: Marici Vila

Projeto Gráfico: Silvio França

Parceria: Ministério da Cultura

Patrocinadores: MOURA BATERIAS, ESTÁCIO, USINA ESTIVA

 

 

 

Baixe o Regulamento

Leia atentamente o regulamento do projeto ERA UMA VEZ BRASIL  e se inscreva:

REGULAMENTO

1. Considerações Gerais

1.1 A Origem Promoção de Eventos Ltda., empresa com sede na cidade de Ribeirão Preto, estado de São Paulo, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 08.846.097/0001-60 (“PROMOTORA”), realiza o projeto cultural “ERA UMA VEZ… BRASIL” doravante designado simplesmente “Projeto Cultural” que foi aprovado pelo Ministério da Cultura por meio do PRONAC nº 149769, para fins de aproveitamento fiscal do Programa Nacional de Apoio à Cultura – PRONAC, através da Lei federal no 8.313/91 de Incentivo à Cultura (“Lei Rouanet”). A participação no Projeto Cultural é voluntária e gratuita, aos estudantes devidamente matriculados em 2016 nas séries ou nos anos, conforme o caso, a serem definidos e indicados pela PROMOTORA com base na grade curricular de cada uma das escolas da rede pública de ensino, seja ela municipal ou estadual, convidadas pela PROMOTORA via Secretaria de Educação Municipal, das cidades de Novo Horizonte – São Paulo, São Paulo/São Paulo, Belo Jardim – Pernambuco Rio de Janeiro – Rio de Janeiro e Salvador – Bahia. Esta modalidade de Projeto Cultural tem caráter exclusivamente cultural, não se sujeitando a quaisquer fatores aleatórios, modalidade de sorteio ou pagamento pelos participantes decorrentes da aprovação em cada etapa do Projeto Cultural.

1.2 O Projeto Cultural tem como objetivo principal incentivar o interesse dos alunos pela cultura e história de nosso país, através do desenvolvimento de 03 (três) etapas que formam o Projeto Cultural – Fatos Históricos, Campus e Intercâmbio. Além de fomentar atividades culturais em escolas que apresentam notas relativamente baixas no IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) e/ou tornar maior este índice nas cidades participantes Projeto Cultural.

1.3 Este Projeto Cultural tem como finalidade premiar os participantes da seguinte forma:

a) Os 100 (cem) participantes autores dos melhores trabalhos produzidos em conformidade com este Projeto Cultural, serão premiados com a inclusão dos textos dos mesmos no livro de história em quadrinhos homônimo deste Projeto Cultural;

b) Do total de participantes da Etapa 1 – Era uma vez..Fatos Históricos deste Projeto Cultural, serão selecionados os 100 (cem) autores detentores das melhores médias nas histórias em quadrinhos e dos vídeos selecionados de cada cidade prevista na Cláusula 1.1 deste Regulamento, com a participação na Etapa 2 – Era uma vez.. Campus;

c) Do total de 100 (cem) participantes da Etapa 2 – Era uma vez…Campus, a PROMOTORA irá selecionar os participantes mais bem classificados, de cada cidade na seguinte proporção: Novo Horizonte/SP: 10 (dez) participantes selecionados; Salvador/BA: 20 (vinte) participantes selecionados; Belo Jardim/PE: 20 (vinte) participantes selecionados; São Paulo/SP: 20 (vinte) participantes selecionados; e Rio de Janeiro/RJ: 10 (dez) participantes selecionados, para participarem de um intercâmbio cultural na cidade de Lisboa em Portugal .

1.4 Este Projeto Cultural possui início em 01 de março de 2016 e término previsto para 30 novembro de 2016 podendo ser prorrogado pela PROMOTORA a qualquer momento sem aviso prévio, sendo certo que a PROMOTORA deverá informar posteriormente aos participantes, nos mesmos meios de comunicação em que este Projeto Cultural foi inicialmente divulgado, sobre a nova data de encerramento deste Projeto Cultural.

2. Das Etapas

2.1 Este Projeto Cultural “ERA UMA VEZ… BRASIL” consiste no desenvolvimento de 03 (três) etapas dependentes entre si. O resultado, para fins de premiação em cada uma será decorrente apenas do desempenho do predicado dos participantes. O regulamento específico de cada etapa está descrito neste documento. São elas:

Etapa 1 – Era uma vez… FATOS HISTÓRICOS 

Etapa 2 – Era uma vez… CAMPUS 

Etapa 3 – Era uma vez… INTERCÂMBIO 

3. Condições para Participar

3.1 Podem participar deste Projeto Cultural todos os estudantes da rede pública de ensino das cidades escolas convidadas pela PROMOTORA pela PROMOTORA, conforme previstas neste Regulamento, devidamente matriculados em 2016 nas séries ou nos anos, conforme o caso, a serem definidos e indicados pela PROMOTORA com base na grade curricular de cada escola participante.

3.2 Não serão aceitas em hipótese alguma, inscrições de alunos de outras cidades, escolas ou séries não previstas neste Regulamento.

4. Como Participar

4.1 Os alunos das escolas e séries e/ou anos conforme definidos exclusivamente pela PROMOTORA deverão se cadastrar através da ficha de inscrição on-line a ser disponibilizada no site www.eraumavezbrasil.com.br. As inscrições devem ser realizadas em cada cidade participante, de acordo com as seguintes datas, impreterivelmente: Belo Jardim (PE) – até 30 de março, Novo Horizonte (SP) – até 30 de março, São Paulo (SP) – até 15 de abril, Rio de Janeiro (RJ) – até 29 de abril e Salvador (BA) – até 30 de abril.

4.2 A PROMOTORA não se responsabiliza pelas inscrições que não forem entregues até 30 de março de 2016 em Belo Jardim (PE) e Novo Horizonte (SP), até 15 de abril em São Paulo (SP), até 29 de no Rio de Janeiro e até 30 de abril em Salvador (BA).

5. Dos Direitos Autorais

5.1 Os responsáveis legais pelos alunos participantes, bem como os professores, diretores das escolas e Secretarias de Educação participantes deste Projeto Cultural do Concurso de Redação autorizam a PROMOTORA em caráter gratuito e irrevogável, a utilizar, isolada ou conjuntamente, total ou parcialmente, direta ou indiretamente e sem qualquer restrição de prazo, território idioma, quantidade de exemplares, números de emissões, transmissões, retransmissões, edições, reedições e veiculação, os direitos autorais patrimoniais relativos às histórias em quadrinhos e os vídeos que venham a ser por eles produzidas no âmbito deste Projeto Cultural. Para tanto, os participantes selecionados, assistidos ou representados por seu responsável legal, bem como os professores, diretores das escolas e Secretarias de Educação participantes deste Projeto Cultural deverão apresentar antes de prosseguir para a segunda etapa do projeto, uma autorização por escrito assinada pelo pai ou responsável maior autorizando a PROMOTORA a utilização dos direitos autorais patrimoniais de tudo o que for desenvolvido pelo participante no âmbito deste Projeto Cultural, bem como dos professores, diretores das escolas e Secretarias de Educação participantes deste Projeto Cultural.

5.2 Os alunos e responsáveis legais dos mesmos autorizam expressamente a PROMOTORA e o patrocinador a utilizar seus nomes, imagens, fotos, vídeos ou vozes para fins publicitários e de promoção do Projeto Cultural, sem direito a qualquer remuneração e na forma e com os meios dispostos pela PROMOTORA por período indeterminado, mesmo após o término do Projeto Cultural.

REGULAMENTOS ESPECÍFICOS DE CADA ETAPA

ETAPA 1 – ERA UMA VEZ…FATOS HISTÓRICOS

1. Objetivo

1.1 O objetivo das produções (história em quadrinhos e do vídeo) dentro da Etapa 1 do Projeto Cultural (Era uma vez… Fatos Históricos) é facultar aos alunos participantes deste Projeto Cultural o pensar historicamente, relacionando os fatos do passado com as questões do presente, além de estimular o questionamento dos fatos, a resolução de problemas e o incentivo à leitura por meio do apoio de livros de História voltados para o público juvenil, e com isso também estimular o gosto pela leitura.

2. Descritivo da Etapa

2.1 Durante os meses de março a junho de 2016, a Coordenadora Pedagógica do Projeto Cultural “Era uma vez… BRASIL” irá preparar os professores de história através de 04 (quatro) encontros. Os encontros possuem 04 (quatro) horas de duração e serão realizados em locais a serem divulgados no site da PROMOTORA (www.eraumavezbrasil.com.br) para todos os professores. O principal objetivo destes encontros é de prepará-los e orientá-los no desenvolvimento do conteúdo nas aulas de história para que os alunos tornem-se aptos a participarem deste Projeto Cultural, principalmente trabalhando a cultura da vinda da família real ao brasil, por meio do estudo e pesquisa da História do Brasil, pelo uso de documentos históricos, livros, revistas, recursos audiovisuais e mídias digitais. Para acompanhamento e orientação dos professores serão realizados 4 (quatro) encontros presenciais, nos quais este Projeto Cultural será apresentado, debatido e os resultados socializados. A seleção da primeira etapa deste Projeto Cultural transcorrerá por meio de duas propostas de atividades a serem desenvolvidas pelos alunos participantes, devidamente inscritos, com a orientação de seus professores, sendo a primeira constituída pela confecção de uma história em quadrinhos com o tema “O dilema de D. João” e a segunda, de um vídeo com base em um dos cinco temas destacados: 1) “Brasil e o seu passado escravista”, 2) “Onde estão os indígenas nos episódios históricos que envolvem a chegada e a permanência da família real portuguesa no Brasil?”, 3) “Violência e tensões nas cidades”, 4) “Relações entre o público e o privado na política brasileira”, e 5) “O ter e o ser diante do olhar do outro”. A PROMOTORA será responsável por constituir uma comissão julgadora, a seu exclusivo critério, que irá analisar as histórias em quadrinhos e os vídeos. Os 100 (cem) alunos que obtiverem melhores resultados nas duas atividades (história em quadrinho mais vídeo) ou passarão para a etapa seguinte (Era uma vez… Campus)

3. Dos Encontros com os Professores

3.1 Durante os meses de março, abril, maio, junho e julho, a Coordenadora Pedagógica do projeto “Era uma vez… BRASIL” irá preparar os professores de história através de 04 (quatro) encontros. Os encontros possuem 04 (quatro) horas de duração e serão realizados em um local a ser definido em cada cidade na qual este Projeto será realizado, conforme previsto neste Regulamento, para todos os professores das escolas participantes, previstas na forma deste Regulamento. O local será divulgado em no site da PROMOTORA.

4. Os critérios de avaliação das histórias em quadrinhos produzidas pelos alunos participantes levarão em conta a (1) habilidade de argumentação e defesa de ideias, a (2) capacidade de analisar o problema dentro do contexto trazido pelo professor (por aula expositiva, pesquisa, vídeo etc.), ou seja, a coerência das respostas diante do contexto e o uso das possibilidades apontadas e (3) a permanência no tema.

5. Critérios de Avaliação do Concurso dos Trabalhos

5.1 Na primeira fase da Etapa 1 (Era uma vez… História), as histórias em quadrinhos produzidas pelos alunos serão avaliadas com base:

a) Na habilidade de argumentação e defesa de ideias;

b) Na capacidade de analisar o problema dentro do contexto trazido pelo professor (por aula expositiva, pesquisa, vídeo etc.);

c) Na permanência no tema.

5.2 Na segunda fase da Etapa 1, os vídeos elaborados pelos alunos participantes, com base nos 05 (cinco) temas previstos neste Regulamento serão avaliados conforme:

a) A habilidade do aluno em relacionar os fatos do passado com questões do presente;

b) A coerência com as normas de escrita do texto base (introdução, desenvolvimento e conclusão com opinião do aluno);

c) O embasamento (em conhecimento histórico) para sustentar a sua argumentação.

6. Da desclassificação dos alunos

6.1 Serão desclassificadoss os participantes que:

a) Permitirem que outra pessoa faça algum dos trabalhos no seu lugar ou o auxilie em alguma etapa;

b) Enviarem trabalhos que não cumpram as orientações indicadas nas instruções que serão passadas pelos professores

c) Cometerem plágio ou qualquer violação de direito autoral de terceiros;

7. Do Processo de Seleção

7.1 A PROMOTORA será responsável por constituir uma comissão julgadora, composta por no mínimo 03 (três) membros que irão escolher, entre todos os trabalhos produzidos pelos alunos participantes, os 100 (cem) alunos participantes de cada cidade que ficarem mais bem classificados, em relação aos trabalhos produzidos, e que farão jus a participar da segunda etapa deste Projeto Cultural denominada “Era uma vez… CAMPUS”;

7.2 Os alunos participantes serão avaliados em um primeiro momento, conforme seu desenvolvimento nas atividades propostas pelo professor, interesse, participação e rendimento escolar através de uma ficha de acompanhamento especialmente desenvolvida para o Projeto Cultural;

7.3 Após a entrega das histórias em quadrinhos e vídeos os alunos também serão avaliados pela comissão julgadora conforme os critérios previstos neste Regulamento;

7.4 Em caso de empate serão utilizados os seguintes critérios para desempate: como critério de desempate será considerada a maior nota no quesito pertinência temática. Persistindo o empate, serão considerados a originalidade e criatividade.

7.5 Caso haja desistência por parte de 01 (um) ou mais alunos participantes selecionados para a Segunda Etapa deste Projeto Cultural, ou os mesmos sejam desclassificados por qualquer motivo ou não apresentem os requisitos físicos para prosseguirem para a Segunda Etapa, eles serão substituídos imediatamente pelos alunos da lista de suplentes, observado em todos os casos a ordem de classificação geral dos participantes de cada cidade em que este Projeto será realizado. A mesma lista não será divulgada em hipótese alguma em nenhum momento do Projeto Cultural. Dependendo do período e/ou motivo do cancelamento do participante inicialmente selecionado para a Segunda Etapa deste Projeto Cultural, os alunos suplentes não terão suas histórias em quadrinhos publicadas no livro homônimo deste Projeto Cultural;

7.6 A decisão da Comissão Julgadora é soberana e irrecorrível, não se admitindo contra ela nenhum recurso;

7.7 Cada participante deverá concorrer, individualmente, com apenas 02 (dois) trabalhos (uma história em quadrinhos e um vídeo).

8. Da Divulgação dos Selecionados para a Segunda Etapa deste Projeto Cultural

8.1 A relação dos 100 (cem) melhores alunos de cada cidade participante, aptos a participarem da Segunda Etapa deste Projeto Cultural será divulgada no site oficial do Projeto Cultural, acessível em: www.eraumavezbrasil.com.br e nas Escolas participantes entre junho e agosto de 2016, por ordem alfabética e não de classificação.

8.2 Os participantes terão até 03 (três) dias úteis, contados da data de divulgação da relação dos selecionados para a segunda etapa deste Projeto Cultural, conforme previsto na Cláusula 14.1 deste Regulamento para manifestarem interesse de prosseguir na próxima etapa e apresentarem os documentos, dados adicionais e autorizações solicitadas pela PROMOTORA deste Projeto Cultural.

9. Da Premiação

9.1 Os 100 (cem) participantes de cada cidade selecionados para a participação na Segunda Etapa deste Projeto Cultural terão as suas histórias em quadrinhos publicadas no livro “Era uma vez… Brasil”, uma tiragem que além de servir como incentivo para os demais alunos, também será distribuído em escolas e bibliotecas no Brasil e em Lisboa.

9.2 No mês de agosto será realizado um evento comemorativo de lançamento do livro com a presença dos envolvidos Projeto Cultural e os autores das melhores histórias em quadrinhos em cada cidade selecionados a participar da Segunda Etapa deste Projeto. Junto com a apresentação dos vídeos em formato de um festival.

9.3 Caso haja desistência por parte de 01 (um) ou mais alunos participantes deste Projeto Cultural e que tenham sido selecionados para a Segunda Etapa deste Projeto Cultural ou os mesmos sejam desclassificados por qualquer motivo eles serão substituídos imediatamente pelos alunos da lista de suplentes. A mesma lista NÃO será divulgada em hipótese alguma em nenhum momento do Projeto Cultural. Dependendo do período e/ou motivo do cancelamento do participante, os alunos suplentes não terão suas histórias em quadrinhos publicadas no livro homônimo deste Projeto Cultural.

10. Do Cronograma

10.1 Os participantes deverão observar todos os prazos previstos neste Regulamento, bem como o cronograma das atividades relacionadas a este Projeto Cultural e demais orientações fornecidas pela PROMOTORA, conforme previsto no site deste Projeto Cultural, disponível em: www.eraumavezbrasil.com.br. 

11. Das Disposições Finais

11.1 A decisão da Comissão Julgadora é soberana e irrecorrível, não se admitindo contra ela nenhum recurso;

11.2 Eventuais dúvidas decorrentes deste regulamento serão esclarecidas ou resolvidas pela PROMOTORA, através de contato por e-mail para o seguinte endereço: coordenacao@eraumavezbrasil.com.br, assim como qualquer item não previsto e descrito neste Regulamento;

11.3 Após o processo de seleção dos alunos participantes que farão jus a participar da SEGUNDA ETAPA deste Projeto Cultura, os vídeos e as HQs, incluindo dos alunos participantes não selecionados, não serão devolvidas em hipótese alguma aos participantes deste Projeto Cultural.

11.4 A PROMOTORA não se responsabiliza, em nenhuma hipótese, por eventuais problemas no envio dos trabalhos, tais como extravio, defeitos nos produtos usados para armazenamento dos arquivos, problemas de Internet e falta de energia elétrica.

11.5 A participação neste Projeto Cultural implica na aceitação total e irrestrita de todos os itens deste regulamento.

ETAPA 2 – ERA UMA VEZ… CAMPUS

12. Objetivo

12.1 O Campus tem como objetivo proporcionar ao aluno participante e selecionado na Primeira Etapa deste Projeto Cultural o reencontro com as raízes históricas de nossa cultura e de conviver com os valores voltados à essência do ser humano e ao desenvolvimento de todas as suas potencialidades. Através da metodologia desenvolvida para esta etapa do Projeto Cultural, visamos despertar o interesse pela leitura, música, teatro, dança, áudio visual, capoeira, autoestima, valorização da vida e principalmente integrar o aprendiz na sociedade e em seu círculo de amizades.

13. Descritivo da Etapa

13.1 Durante 06 (seis) dias do mês de junho ou julho ou agosto, a ser definido e previamente informado pela PROMOTORA, com no mínimo 48 (quarenta e oito) horas de antecedência da data prevista para a realização desta Etapa, os 100 (cem) alunos participantes deste Projeto Cultural selecionados da Primeira Etapa deste Projeto Cultural, de cada cidade, participarão de um Campus em sua cidade.. O Campus possui caráter integral na modalidade de acampamento, sendo que os participantes deverão obrigatoriamente permanecer em período integral nas dependências onde acontecerão as atividades. Os alunos participantes serão supervisionados pela coordenação responsável e professores das oficinas culturais indicados pela PROMOTORA.

13.2 Os professores dos alunos participantes selecionados para esta segunda etapa do Projeto Cultural participarão de pelo menos 01 (um) dia, a ser definido previamente pela PROMOTORA, das atividades desenvolvidas no Campus.

14. Da aceitação dos alunos na etapa

14.1 Os 100 (cem) alunos participantes deste Projeto Cultural premiados na Primeira Etapa deste Projeto Cultural para participarem desta Segunda Etapa, terão até 03 (três) dias úteis, contados da data de divulgação dos resultados da primeira etapa do Projeto Cultural para manifestarem interesse de prosseguir nesta Segunda Etapa e apresentarem os documentos, dados adicionais e autorizações solicitadas pela PROMOTORA. Os documentos deverão ser entregues na Secretaria das respectivas escolas dos alunos participantes selecionados. A lista de dados adicionais e documentos necessários para que os alunos participantes possam participar desta segunda etapa do Projeto Cultural será divulgado junto à lista dos alunos participantes selecionados para participarem desta Segunda Etapa. Caso o aluno não apresente os itens especificados, o mesmo será desclassificado do Projeto Cultural, sendo classificado outro aluno suplente, observada a ordem de classificação dos participantes de acordo com lista em poder da PROMOTORA.

15. Da Rotina no Campus

15.1 O Campus contará com um regulamento específico/regimento interno que deverá ser seguido pelos alunos participantes sob pena de desclassificação do Projeto.

16. Dos Critérios de Avaliação do Campus

16.1 Os participantes serão avaliados em um primeiro momento, conforme seu comportamento e desenvolvimento diário nas atividades do dia a dia do Campus de cada Cidade através de uma ficha desenvolvida para o Projeto. Ao término da avaliação, em cada Campus, de cada Cidade, serão selecionados os participantes que obtiverem as melhores notas nas fichas de avaliação final e apresentaram bom comportamento durante sua estadia no Campus.

17. Da Divulgação dos Selecionados

17.1 A relação dos participantes selecionados para participarem da Terceira Etapa deste Projeto será divulgada em evento especial a ser definido pela PROMOTORA e comunicado aos alunos, em local a ser definido. Na ocasião, acontecerá também a noite de lançamento e autógrafo do livro “Era uma vez… Brasil”, oriundo da Primeira Etapa deste Projeto Cultural.

17.2 Os participantes terão até 03 (três) dias úteis, contados da data de divulgação dos resultados da Segunda Etapa deste Projeto Cultural para manifestarem interesse de prosseguir na próxima etapa e apresentarem os documentos, dados adicionais e autorizações solicitadas pela PROMOTORA.

18. Da Seleção para a Etapa 3

18.1 Serão selecionados para esta Terceira Etapa: 10 (dez) participantes do Campus realizado em Novo Horizonte/SP; 20 (vinte) participantes do Campus realizado em Salvador/BA; 20 (vinte) participantes do Campus realizado em Belo Jardim/PE; 20 (vinte) participantes do Campus realizado em São Paulo/SP e 10 (dez) participantes do Campus Rio de Janeiro/RJ pelos melhores desempenhos na Segunda Etapa, de acordo com os critérios estabelecidos neste Regulamento e conforme definidos pela Comissão Julgadora indicada pela PROMOTORA. Os selecionados nos Campus seguem para a terceira e última etapa deste Projeto Cultural e embarcam rumo a Lisboa, Portugal para um estágio europeu com duração de 10 (dez) dias.

ETAPA 3 – ERA UMA VEZ… INTERCÂMBIO

1. Objetivo

18.2 A Terceira Etapa deste Projeto Cultural tem como objetivo difundir a cultura brasileira local em Lisboa, Portugal, através de apresentações culturais desenvolvidas na na Etapa Campus, troca de experiências com outros alunos e diversas outras atividades complementares durante o período de 10 (dez) dias

19. Descritivo da Etapa

19.1 Os participantes selecionados para participarem da Terceira Etapa deste Projeto Cultural participarão de um intercâmbio cultural europeu de duração de 10 (dez) dias na cidade de Lisboa, Portugal. Toda a equipe do Projeto Cultural “Era uma vez… Brasil” ficará encarregada de acompanhar, assistir e supervisionar os participantes selecionados durante o período da viagem. Nesta Etapa os participantes adquirirão aprendizados, experiências e realizarão várias atividades culturais junto a colégios e escolas europeias, bem como realizarão apresentações, visitarão pontos turísticos e educativos como museus, centros culturais, teatros, cinemas, parques e diversos outros.

19.2 Este Projeto Cultural também selecionará no mínimo 01 (um) professor de história de cada cidade participante com uma viagem para Lisboa, Portugal na terceira etapa deste Projeto Cultural. A aprovação do professor dependerá da qualidade dos trabalhos desenvolvidos em sala de aula, rendimento escolar de seus alunos, sua assiduidade em sala de aula e nos encontros com a Coordenadora Pedagógica e maior número de alunos selecionados entre os 100 (cem) participantes selecionados na Primeira Etapa deste Projeto Cultural. Cabe única e exclusivamente a Comissão Julgadora e a PROMOTORA escolher o professor será selecionado. O resultado será divulgado após o término da Segunda Etapa deste Projeto Cultural. Caso o professor selecionado não possa participar da terceira etapa deste Projeto Cultural, outro professor será selecionado por exclusivo critério da PROMOTORA, neste sentido.

20. Da aceitação dos participantes na Terceira Etapa deste Projeto Cultural

20.1 Os participantes selecionados no Campus terão até 03 (três) dias úteis após a divulgação do resultado para manifestarem interesse de prosseguir na terceira etapa deste Projeto Cultural e apresentarem os documentos, dados e autorizações solicitadas pela PROMOTORA. Os documentos deverão ser entregues na Secretaria de cada escola participante. A lista de dados adicionais e documentos necessários para que os participantes possam fazer jus em participar desta Terceira Etapa será divulgado junto à lista dos participantes selecionados. Caso o participante selecionado não apresente os documentos especificados até o prazo a ser estipulado, o mesmo será desclassificado da etapa e do Projeto Cultural dando lugar ao participante suplente, nomeado pela PROMOTORA, observada a lista de classificação dos participantes na Segunda Etapa deste Projeto Cultural, em poder da PROMOTORA.

21. Das Orientações para a Viagem

21.1 Em dia a ser definido pela PROMOTORA, os participantes selecionados para esta Terceira Etapa, acompanhado dos pais ou responsáveis legais deverão participar da Palestra de Orientação do Intercâmbio Cultural. Neste dia, os participantes e seus responsáveis serão instruídos a respeito da retirada de documentos e autorizações, além de outras informações sobre o intercâmbio.

22. Da desclassificação de participantes

22.1 Serão desclassificados os participantes que não apresentarem os documentos, dados adicionais e/ou autorizações solicitados para a Terceira Etapa até o prazo a ser especificado pela PROMOTORA.

22.2 Os participantes que não apresentarem bom comportamento durante todo o período de viagem, assim como não realizarem as atividades propostas e previstas para esta etapa do Projeto Cultural neste Regulamento ou em qualquer informativo previamente informado pela PROMOTORA, retornará junto a um responsável da coordenação deste Projeto Cultural para o Brasil, antecipadamente ao prazo de duração da viagem prevista para esta etapa.

23. Do Intercâmbio Cultural

23.1 Os participantes selecionados para esta Terceira Etapa participarão de um Intercâmbio Cultural, sendo de uso pessoal e intransferível, não podendo em hipótese algum ser o mesmo convertido em remuneração monetária, nem transferido para terceiros, composto dos seguintes itens:

a) Passagem Aérea;

b) Taxa de Embarque

c) Hospedagem de 10 (dias) em hotel ou acampamento a ser especificado em quarto compartilhado;

d) Pensão completa (café da manhã, almoço, lanche e jantar) realizada no hotel/acampamento ou nos locais de passeios,

e) Traslados para todos os passeios;

f) Seguro viagem e seguro saúde internacional;

23.2 Caso haja desistência por parte de 01 (um) ou mais participantes selecionados para esta Terceira Etapa do Projeto Cultural ou os mesmos sejam desclassificados por qualquer motivo eles serão substituídos imediatamente pelos alunos da lista de suplentes, observada ordem de classificação na segunda etapa do Projeto Cultural em poder da PROMOTORA. A mesma lista não será divulgada em hipótese alguma em nenhum momento deste Projeto Cultural.

24. Documentação Necessária

24.1 Toda documentação pessoal dos participantes, tais como: passaporte, visto e outras que poderão ser solicitadas pela PROMOTORA a qualquer momento, serão de exclusiva responsabilidade dos participantes selecionados. A PROMOTORA será a encarregada de fazer as orientações cabíveis para a retirada dos mesmos na Palestra de Orientação do Intercâmbio Cultural.

25. Disposições Gerais

25.1 Não estão incluídos no Intercâmbio Cultural desta terceira etapa, sendo estes de responsabilidade exclusiva do participante: custos extras referentes a despesas pessoais, tais como: bebidas e alimentação extra, serviço de revelação e fotografia, cabeleireiro, massagens, telecomunicações, excesso de bagagem, compra de lembranças e todo e qualquer outro produto de caráter pessoal.

25.2 Para custos extras de despesa pessoal, ficam a critério e responsabilidade do participante ou responsável legal as referidas despesas. Caso o participante leve dinheiro, travel check ou cartão de crédito internacional, os mesmos serão de responsabilidade do participante assim como antes da data de viagem sua troca em casa de câmbios.

25.3 Não será autorizada a participação de acompanhante junto ao participante selecionado mesmo que o acompanhante arque com todas suas despesas.

25.4 A obtenção de passaporte devidamente válido, juntamente com o respectivo visto que viabilize a entrada do participante contemplado em território estrangeiro será de inteira responsabilidade do participante contemplado, devendo o mesmo arcar com todo e qualquer custo relacionado à obtenção de tais documentos.

25.5 Ficarão por conta dos contemplados as providências relativas a documentos, vistos e outras providências de caráter pessoal, não podendo sua falta justificar qualquer dificuldade ou impedimento de participar da viagem.

25.6 A PROMOTORA não assume qualquer responsabilidade por eventuais acidentes ou ocorrências resultantes de força maior que fuja totalmente de seu controle e que venham a causar danos materiais ou físicos aos participantes contemplados durante a viagem desta terceira etapa do Projeto Cultural.

25.7 OS CASOS OMISSOS OU DUVIDOSOS NESTE REGULAMENTO SERÃO RESOLVIDOS PELA PROMOTORA DESTE PROJETO CULTURAL SENDO SUA DECISÃO SOBERANA, IRRECORRÍVEL E INQUESTIONÁVEL. 

25.8 Os participantes deste Projeto Cultural, concordam com todos os termos e condições presentes neste Regulamento.

25.9 O presente Regulamento estará disponível na página deste Projeto Cultural acessível através do endereço: www.eraumavezbrasil.com.br para todos os fins e direitos que se fizerem necessários.

25.10 O presente Regulamento não estabelece nenhuma relação de consumo, tampouco publicidade de produtos ou serviços.

25.11 O presente Regulamento poderá ser alterado a qualquer momento mediante aviso aos participantes através do site do Projeto Cultual acessível através do endereço: www.eraumavezbrasil.com.br .

25.12 Dúvidas e informações sobre este Projeto Cultural poderão ser obtidas através do e-mail: coordenacao@eraumavezbrasil.com.br.

25.13 Fica eleito o foro da Comarca da Capital do Estado de São Paulo como único competente para dirimir quaisquer questões judiciais oriundas deste Projeto Cultural.

 

ANEXO 01 – ORIENTAÇÕES GERAIS PARA ENTREGA DOS TRABALHOS

O Projeto Era uma vez… Brasil tem como produto final a produção de duas atividades: uma História em Quadrinhose um vídeo de curta duração.

História em Quadrinhos

A HQ é uma resposta ao “dilema de d. João”.

Acuado entre França e Inglaterra, o príncipe-regente de Portugal, d. João,  precisa decidir o que fazer.

Nesta produção o aluno irá se colocar no lugar de d. João e solucionar o dilema representando-o por uma HQ com as seguintes características:

  • Uma por aluno
  • Folha A4
  • 5 a 10 quadrinhos
  • Margem de 1 cm
  • No verso: nome, escola, professor(a) e cidade
  • Coloridas ou sombreadas
  • Produção na sala de aula com o(a) professor(a)

É importante lembrar que as histórias em quadrinhos produzidas pelos alunos serão avaliadas com base:

  1. a) Na habilidade de argumentação e defesa de ideias;
  2. b) Na capacidade de analisar o problema dentro do contexto trazido pelo professor (por aula expositiva, pesquisa, vídeo etc.);
  3. c) Na permanência no tema.

As HQs deverão ser confeccionadas em sala de aula sob a supervisão do professor responsável.

Vídeo

A atividade com o vídeo se dará por meio da proposição de cinco temas norteadores:

  1. Brasil e o legado da história e cultura africana e afro-brasileira.
  2. Onde estão os indígenas nos episódios históricos que envolvem a chegada e a permanência da família real portuguesa no Brasil?
  3. Violência e tensões sociais nas cidades.
  4. Relações entre o público e o privado na política brasileira.
  5. O ter e o ser diante do olhar do outro.

O professor poderá trazer todos os temas e cada aluno escolhe o seu, ou escolher um tema para cada sala de aula. Ao optar por um tema ele poderá aplica-lo em todas as salas, ou decidir por um diferente para cada sala. É o docente quem decide de acordo com os seus critérios. O professor conhece seus alunos e por isso deve ter a liberdade de escolher os conteúdos mais significativos para os mesmos.

A proposta é que cada aluno produza um vídeo com duração entre 10 (dez) a 50 (cinquenta) segundos. Neste vídeo o aluno deverá trazer seu tema, seus argumentos e defende-los, posicionando-se embasado no que estudou/pesquisou, tendo como base um roteiro (pré-produzido). O aluno que se intimidar em argumentar diretamente para a câmera poderá escrever um texto opinativo com a sua análise e apresentar a sua leitura gravada em vídeo (entre dez a cinquenta minutos de duração).

No início de cada vídeo o aluno deverá identificar-se (com nome completo, sala, escola, professor e o tema escolhido). Ele deverá organizar a sua fala como em um texto escrito (com introdução, desenvolvimento e conclusão pessoal).

Recomenda-se às escolas (e se possível, aos alunos) que façam uma cópia de segurança desses vídeos. O DVD ou pen drive deverá ser identificado com o nome da escola e do(s) professor (es) participante(s).  Junto com o arquivo em vídeo deverá ser entregue também, em papel ou salvo digitalmente (em extensão Word), o roteiro do vídeo feito pelo aluno ou o texto opinativo que ele leu.

Os vídeos elaborados pelos alunos participantes, com base nos 05 (cinco) serão avaliados conforme:

  1. a) A habilidade do aluno em relacionar os fatos do passado com questões do presente;
  2. b) A coerência com as normas de escrita do texto base (introdução, desenvolvimento e conclusão com opinião do aluno);
  3. c) O embasamento (em conhecimento histórico) para sustentar a sua argumentação.

A entrega das HQs e dos vídeos poderá ser feita para a equipe do Projeto ou enviada pelo Correio.

Se entregues à equipe do Projeto (no 4º Encontro), ela deverá ser feita em 3 (três) envelopes contendo (em cada):

  • as HQs produzidas pelos alunos;
  • o pen drive ou DVD com os vídeos;
  • os roteiros e/ou textos opinativos escritos pelos alunos para o vídeo.

Identifique nos envelopes o nome da escola, do professor/orientador e um número de celular (para elucidarmos as dúvidas que possam surgir).

A autoria dos trabalhos (HQ e vídeo) é muito importante. Se for identificado plágio, o mesmo será eliminado.

As enviadas à Origem Produções deverão respeitar a data de postagem até o dia do quarto encontro, para o seguinte endereço:

Origem Produções

Avenida Maurílio Biagi nº 800- sala 610- Condomínio Spasse Office

Bairro Santa Cruz do José Jacques

CEP: 14.020-750- Ribeirão Preto-SP

 

  • Foto Era uma vez Brasil
    Equipe no Lançamento em Salvador
  • Foto Era uma vez Brasil
    12 de maio Mesa Redonda: Liberdade e Escravidão
  • Foto Era uma vez Brasil
    Lançamento no RIO - Laurentino,Cintia Marin e Susana Audi
  • Foto Era uma vez Brasil
    Palestra com Professores no RIO - Biblioteca Parque Estado

Agenda

São Paulo
Rio de Janeiro
Novo Horizonte
São Paulo
Salvador
Ver Blog
Notícias Na mídia

Edições anteriores

QUER VER COMO FORAM AS OUTRAS EDIÇÕES DO PROJETO?

  • Era uma vez Europa 2014 2014
  • Era uma vez Europa 2011 2011

    Entre em Contato

    Origem Produções

    Ribeirão Preto / SP
    + 55 16 3623 8012

    Salvador / BA
    + 55 71 3018 4373

    Rio de Janeiro / RJ
    + 55 21 3579 3310

    Contato

    Todos os campos são obrigatórios

    ATENÇÃO: Preencha todos os campos destacados Enviando